02.04.2010ūüôŹMensagem de Nossa Senhora a Marcos Tadeu Sexta feira Santa Apari√ß√Ķes de Jacare√≠

02.04.2010ūüôŹMensagem de Nossa Senhora a Marcos Tadeu Sexta feira Santa Apari√ß√Ķes de Jacare√≠ “Amados filhos, hoje, ficai Comigo aos P√©s da Cruz de JESUS, para junto Comigo contemplarmos o Cordeiro de Deus, que Se imolou ao Pai para a Reden√ß√£o e o Resgate de toda a humanidade, de todos v√≥s. Estava Eu aos P√©s da Cruz, vendo o Meu Divino Filho todo coberto de Chagas e Sangue... Ouvi os Seus √ļltimos lamentos, percebi os fr√™mitos de febre e dor que percorriam todo o Seu Corpo... E junto com Ele, tamb√©m Eu, sofrendo as Dores M√≠sticas da Sua Paix√£o no Meu Corpo, oferecia ao Pai Celeste a Nossa Dor para que todos v√≥s pudessem ser redimidos da escravid√£o do pecado e as Portas do C√©u fossem abertas para v√≥s... Sou a verdadeira M√£e Dolorosa de todos v√≥s... V√≥s sois os Meus filhos, pois fostes gerados por Mim ao p√© da Cruz de Jesus, v√≥s sois o fruto das Minhas Dores... Sou a vossa M√£e Dolorosa ainda hoje, por ver que a humanidade mesmo depois de dois mil anos do Sacrif√≠cio do Meu Filho, ainda lhe volta as costas, n√£o obedece a Sua Lei de Amor, n√£o abre-lhe o seu Cora√ß√£o, a sua vida. Sofro ao ver como a sociedade rejeita o Evangelho do Meu Filho Jesus, Seus Mandamentos, a Sua Palavra e como cada vez mais Ele ainda hoje: √© negado, √© tra√≠do, √© crucificado e √© morto por este mundo que se afastou de Deus! Jesus √© negado por aqueles que deveriam louv√°-Lo, exalt√°-Lo, glorific√°-Lo, torn√°-Lo conhecido... aqueles que j√° s√£o parte do Seu povo, aqueles que j√° s√£o parte de Sua fam√≠lia e que, no entanto com o Seu modo mau de viver negam-No, blasfemam-No e atrai√ßoam-No... Sim! Jesus √© tra√≠do e negado, por aqueles que deviam lutar por Ele, lutar pelos Seus interesses divinos, lutar pela verdade, lutar para instaurar o Seu Reino de Amor sobre a Terra. Mas, pensam unicamente em si mesmos, na satisfa√ß√£o de suas vontades, na realiza√ß√£o dos seus projetos pessoais, n√£o se importando que tantas almas v√£o √† perdi√ß√£o todos os dias... e que o Meu Filho Jesus continue sendo crucificado novamente em cada alma que vive em pecado e se perde. Estes que deveriam ser os Seus Ap√≥stolos, s√£o ainda hoje os Judas que o traem, ainda s√£o outros tantos Ap√≥stolos que o negam para n√£o desagradar a esta sociedade pag√£ e at√©ia na qual viveis atualmente... Jesus ainda √© crucificado, por todos aqueles que mesmo conhecendo a verdade atrai√ßoam-na, deturpam-na, distorcem-na, esmagam-na, despeda√ßam-na, para viverem na mentira e para deixarem com que as almas v√£o √† mentira, vivendo nela, crescendo nela e morrendo espiritualmente nela a cada dia, at√© n√£o terem mais salva√ß√£o! Estes crucificam o Meu Filho de novo e renovam a Sua Paix√£o. Ainda hoje Eu Sou a vossa M√£e Dolorosa... por ver que as crian√ßas e os jovens desde cedo j√° s√£o encaminhados a precoces experi√™ncia de mal, tem as suas almas mortas pela maldade, pela impureza, pelo pecado, pelos v√≠cios, pela viol√™ncia, pelo ate√≠smo, pelo afastamento de Deus que √© a origem de todos estes males. E como cada vez mais satan√°s tem se apoderado da inf√Ęncia e da juventude, para os seus projetos malignos. Eu venho para chamar-vos a consolardes o Meu Cora√ß√£o e a aliviardes a Minha t√£o grande Dor, trabalhando intensamente pela convers√£o e pela santifica√ß√£o de todas as crian√ßas e jovens, conduzindo-as pelo caminho da santidade, da ora√ß√£o, da bondade, da pureza do amor. Para que assim, verdadeiramente nestes pequeninos o Meu Cora√ß√£o Imaculado triunfe e ainda possa fazer sair deles o mais perfeito hino de louvor ao Senhor.! Ainda hoje, Sou a vossa M√£e Dolorosa... ao ver o quanto as fam√≠lias, o quanto a igreja e a sociedade est√£o repletas de chagas doloros√≠ssimas, de desuni√£o, de viol√™ncia, de ego√≠smo, de maldade, de indiferen√ßa, de afastamento de Deus e de tantas outras coisas que o Meu inimigo introduziu no meio de v√≥s no mundo, para levar o mundo inteiro √† condena√ß√£o. Eu vos pe√ßo Meus Filhos, que vos unais Comigo na Ora√ß√£o, no Sacrif√≠cio, na Penit√™ncia e no Amor... para que juntos transformemos estas feridas quer hoje desfiguram as fam√≠lias, a Igreja e a sociedade para que nelas possam novamente resplandecer: o fulgor da gra√ßa de Deus, da gl√≥ria do Senhor, da beleza do Seu Nome e da Sua pr√≥pria Paz. Ainda hoje Eu Sou a vossa M√£e Dolorosa... ao ver que tantos dos Meus filhos continuam indo pelo caminho da condena√ß√£o, apesar das Minhas numerosas Apari√ß√Ķes no mundo todo, das Minhas Lacrima√ß√Ķes at√© de Sangue, das Minhas Apari√ß√Ķes t√£o prolongadas aqui j√° por mais de dezenove anos... E que tantas almas se perdem todos os dias, porque n√£o h√° quem reze, quem se sacrifique por elas, quem leve as Minhas Mensagens de Amor a elas! Levantai-vos filhos Meus! Meus verdadeiros disc√≠pulos e ap√≥stolos! Levantai-vos para consolar o Meu Cora√ß√£o e ent√£o, Me dareis verdadeiramente a maior alegria, que podeis Me ofertar... A alegria de ver-Me verdadeiramente obedecida, seguida por todos v√≥s, imitada por todos v√≥s... Desta forma, tirareis do Meu Cora√ß√£o as espadas de Dor que o transpassam e colocareis no lugar uma coroa de flores, tirareis os cravos do Meu Jesus e colocareis no lugar destas feridas do Meu Jesus o b√°lsamos mais precioso, o b√°lsamo mais suavizador, o b√°lsamo mais querido que √©: o do vosso amor, da vossa obedi√™ncia total e da vossa fidelidade aos Nossos Sacrat√≠ssimos Cora√ß√Ķes... Eu estou convosco todos os dias, Eu estou junto de v√≥s quando sofreis, quando estais no calv√°rio. Lembrai-vos de Mim, de Minha const√Ęncia junto √† Cruz nos momentos em que sofreis... e v√≥s tamb√©m tereis for√ßa e √Ęnimo para sofrerdes e oferecerdes os vossos padecimentos pela salva√ß√£o da humanidade. Esses padecimentos que Me ofereceis, apressam e muito o momento do Meu maior Triunfo, que j√° n√£o est√° longe de v√≥s! Avante Meus filhos! Em breve, o calv√°rio do vosso tempo, esse calv√°rio que v√≥s os bons, os inocentes, que Me amam, os que Me obedecem... esse calv√°rio de dor, de sofrimento quer v√≥s passais e que v√≥s viveis... brevemente dar√° lugar √† Gl√≥ria e √† Alegria da RESSUREI√á√ÉO... A todos, neste momento, aben√ß√īo generosamente...”

Coment√°rios